Serviços   O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Programas e Projetos de Extensão

O museu tem atualmente três programas e oito projetos de extensão registrados na PROEC (Pró-Reitoria de Extensão e Cultura) que envolvem todos os técnicos e professores do MAE, além de alunos de graduação da UFPR, que são bolsistas, voluntários e estagiários participantes desses projetos. Os três programas contemplam áreas fundamentais para o museu: a organização e a divulgação do acervo, a difusão cultural e as ações educativas.

 

PROGRAMA DE CURADORIA DO ACERVO DO MAE

O “Programa Curadoria do Acervo do MAE” tem caráter transversal e feição interdisciplinar. É um instrumento formal que viabiliza o tratamento técnico, a pesquisa e o acesso às coleções acervadas sob custódia do museu. Esse acesso se dá por diferentes vias e finalidades, sendo privilegiadas as dimensões científicas, técnicas, acadêmicas e a interface com a comunidade em geral, e se expressa por meio de diferentes produtos derivados da sistematização e reflexão sobre os dados encetados nas coleções museológicas produzidas e estudadas pelo MAE. Esses produtos compreendem os estudos de memória, as exposições temporárias e permanentes, as publicações e os produtos pedagógicos.
O programa abrange quatro projetos, cada um associado a uma área técnica do MAE:

  • Projeto Patrimônio e Museus – Curadoria das coleções etnográficas do MAE
  • Projeto Museu e Patrimônio: Levantamento Arqueológico, Educação Patrimonial e Curadoria do Acervo de Arqueologia do MAE
  • Projeto Museu e Patrimônio: Revelando o acervo de Cultura e Saberes Populares do MAE.
  • Projeto Museu e Patrimônio: Organização e divulgação do acervo textual, sonoro e visual do MAE.

Todos os projetos são coordenados por técnicos do MAE e professores do Departamento de Antropologia, e envolvem alunos bolsistas de diversos cursos que participam das atividades de pesquisa, ensino e extensão.

PROGRAMA DE DIFUSÃO CULTURAL DO MAE

O “Programa de Difusão Cultural do MAE” é um mecanismo que enfeixa a comunicação museológica do conhecimento derivada dos múltiplos temas passíveis de abordagens comunicacionais simbolizados nas coleções que compõem o acervo do MAE, de maneira direta ou alusiva. Realiza pesquisas buscando adentrar as dimensões teóricas, cognitivas e afetivas da interação e educação museológicas, dando fruição a tais conteúdos por meio da organização de exposições, atividades educativas, publicações e outras ações pertinentes.
O programa abrange dois projetos:

  • Projeto Ações sociais e culturais do MAE: uma construção plural (conheça nossos eventos anuais.)
  • Projeto Narrativas Compartilhadas no MAE

PROGRAMA DE AÇÕES EDUCATIVAS DO MAE

O “Programa Ações Educativas do MAE” abrange um conjunto de atividades oriundas de ações extensionistas que vem sendo realizadas no Museu desde 2008, no intento de propiciar a acessibilidade do museu para seu público alvo. Ele é constituido significativamente de alunos do ensino fundamental e médio, além de visitantes da comunidade interna e externa. Através de seus projetos, se oferece a oportunidade de trabalhar o desenvolvimento crítico da sociedade a partir da perspectiva do patrimônio cultural e museológico, possibilitando ao indivíduo uma leitura do mundo a sua volta a partir dos valores da cidadania e da diversidade sociocultural.

  • Projeto Museu Aberto: interações entre o MAE e a escola;
  • Projeto Conhecer, brincar, experimentar: produtos lúdico-pedagógicos do MAE.

PROJETO MAE DOCUMENTA

O projeto MAE Documenta se propõe a registrar e divulgar narrativas e atividades de pessoas  e grupos populares com reconhecido conhecimento cultural, artístico e técnico. Busca tornar acessível ao público em geral, bem como a pesquisadoras(es) e estudantes, tais  conhecimentos e sua relação com perspectivas de mundo e formas de vida plurais.
Para tanto, se fundamenta também na pesquisa sobre os contextos em que estas(es) mestras(es) populares se inserem e a maneira como se relacionam com seu ambiente. Utiliza
fotografia, gravações em áudio e vídeo, bem como registros escritos realizados pelos próprios sujeitos. A metodologia de base é participativa, sendo os roteiros de pesquisa e a produção dos resultados construídos em conjunto com as(os) mestras(es) e as comunidades onde vivem. Nos anos de 2018 e início de 2019, o projeto MAE Documenta englobará o projeto Histórias de Faxinais: livro de contos e exposição itinerante, premiado na 8ª edição do prêmio IBERMUSEUS e desenvolvido em Pinhão/PR.